Total de visualizações de página

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Hare Krishna

Dai que o cara que senta do meu lado usa listerine de gamba!
Eh uma nova versao do Listerine para quem nao almeja um halito fresco mas sim um halito tipo de fossa ou levanta defunto.
No inicio eu achava que o odor ( pq isso nao eh cheiro nem a caralho) era oriundo do banheiro, que apesar de mto limpo podia estar com problemas no encamento ou algo assim.
Depois, uma vez contatados os responsaveis pelos servicos gerais e excluida a existencia de problemas de encanamento maldisse meu cao por julgar ter pisado em coco.
Também nao era!!!
Era dele.
Da boca dele para ser mais exata.
Nao chamo de bafo de onca pq nunca fiquei perto do halito de uma. Onca, ou nao estaria aqui para fazer posts escatologicos para voces, uma vez que acho que a onca me comeria viva. 2nfim, divago.
O fato eh que nao da!
Nao da, nao da nao da!!!
Ja coloquei meu porquinho, vulgo gaveteiro entre nos dois.
Estou sentada de lado, de modos que a minha coluna fica ligeiramente torta e tenho dores nas costas todos os dias.
E nao sabendo mais que providencia tomar, uma vez que acho delicado tocar neste assunto com ele , minha irma deu a ideia muito digna de trazer incensos para a mesa de operacoes na qual trabalho.
Como aqui eh um mundo paralelo, quase uma terra de ngm , decidi trazer.
E fiz todo um discurso pra ele, dizendo que tinha virado hare krisna e que por desconhecer de fato o que os ahre krisnas fazem, adotei apenas um dos habitos, que seria de acender incensos no local de trabalho.
Esse local onde ganhamos vil metal e que nos faz parecer mais com nossos pais,como diria Elis Regina.
O fato eh que ele nao disse nada, apenas sorriu, e eu o agradeci por isso, pq ainda nao havia acendido meu incenso de citronela, assim, uma essencia bem light e nao tava afim de sentir o bafo dele.
De qq maneira aliviou um pco e meu chefe que ja sabia do ocorrido e da decisao que eu tomei, nada disse7.
Apenas mencionou que aqui todos eramos aceitos e que tinhamos total liberdade de professarmos nossa fe, por mais bizarra que ela fosse.
Mencionou ainda que eu apenas limpasse as cinzas do incenso e que rituais da coisa finda nao seriam permitidos, tampouco o sacrificio de animais.
E assim segue a semana.
Ademais apenas pediu que eu nao cantasse mantras pois poderia atrapalhar o mercado, eu poderia deixar de cantar mercado para entoar mantras podendo perder oportunidades de negocio e ele disse que isso nao seria auspicioso!!!
Adoro meu chefe!
O bafo deu uma amenizada.
Alguma sugestao de essencia????
Bjos

9 comentários:

Daniely Novo Kamaroff disse...

Pergunta para ele "sutilmente":
"Amigo, vc comeu a sua meia?"
ahahahahahahahaha

Andréa disse...

kkkkkkkkkkkk
Eu precisava rir hoje,obrigada.
Tadinha da Bru,"bafinho",ninguém merece.
Beijos

Bruna disse...

Oii Bruna, td bem?
1ª coisa, temos 3 coisas em comum. O nome, a profissão e o cara que senta do lado que tem bafo. Aff! Se tem uma coisa que me deixa de mau humor é isso!
Um dia, sem querer acabei falando que ele tinha bafo. Era o que eu tinha vontade, falar, mas não do jeito que falei.
Um dia de manha cheguei aqui na corretora e ele começou a falar com o cara que senta na minha frente. Mas aquele dia o bafo tava parecendo fossa azeda. Ai mandei no Reuters uma msg pro cara que tava falando com ele assim: “Fulano, pára de puxar assunto com Ciclano pq o bafo já não é dos melhores e hj ainda ele não escovou os dentes e eu to quase morrendo aqui. Faz esse favor vai...” e mandei...mas qndo dei por mim, eu mandei a msg pro baforento.
Confesso que na hora fiquei roxa, azul, verde, não sabia onde enfiar minha cara. Ficou uma situação chata e a saída foi pedir desculpas pelo jeito que falei.
No final das contas foi a melhor coisa que fiz. Na hora ele levantou foi escovar os dentes e começou a cantar o mercado olhando pra frente e não pro lado que eu fico =). Desde então nunca mais senti o bafo dele e não falta halls preto na mesa dele. E obvio que ele nunca mais deixou de escovar os dentes de manha!

Espero que com a minha experiência vc tenha alguma idéia e se livre do bafo diário.

Beijoss!!!

Lady disse...

Um saco de bala gigante! Cada vez que ele abrir a boca pra falar, ofereça uma bala, tem umas balas gigantes, que nao te deixam falar. Mas tem que insistir! Beijinhus

Paola disse...

Ui! Detesto homem fedido!
Posso? Licença!
Eu trabalhei num laboratório de informática de uma escola, escola nunca é um lugar muito perfumado, principalmente depois do recreio, mas suir de criança, ainda passa.
A merda era o técnico que cuidava dos computadores, escovar os dentes, ele não escovava mesmo, além disso o energumeno também não tomava banho, se tomava não era pela manhã antes do trabalho, vai ver que aos sábados antes da balada.
Ele fedia inteiro, eu tinha vontade de vomitar, eu nem falava com ele.
Um dia ele estava lá arrumando os computadores e uma classe chegou, na mesma hora as crianças sentiram e a molecada logo soltou.... que cheiro de pum! Abre a janela... etc e tal....
Não sei que aconteceu mas logo depois o cara começou a aparecer com um aspecto menos repugnante!
Ahahahahaha!
bj
PAola

Vânia disse...

Vc é impaável....

Diz que krishna recomenda 2 lt dagua ao dia.... e presenteia ele com uam garrafa, bafo ocasionado por falta de agua e jejum intenso mais mal assepsia....

ou então entra com o tipo sou sua amiga se fosse o cadarço ia falar amarra porque n quria ver vc cair então to falando... ja ouviu falar em listerine?
kkkkk

Jéssica Andrade disse...

kkkkkkkkk....
sempre acabo dando risadas aki!!!

Jah passei por uma situação do genero.

Precisei buscar uns pedreiros que trabalham pro meu pai e daí quando um abriu a boca pra responder uma pergunta que fiz... "MEU DEUSSSSSSS!!!
Precisei abrir todas as janelas do carroo!!!
E o pior é que nem tinha um trident pra tentar amenizar...

E o mais engraçado é que tinha uma amiga comigo, e ela naum tocou no assunto,,, mas no outro dia, disse que teve vontade de me socar por perguntar ao "bafão" sobre a obra!
kkkkkk

bjs*

pat camargo disse...

Eu seria menos educada que a Daniely, qdo ele abrisse a boca eu perguntava "Você comeu merda?"

Vivi disse...

Acompanho seu blog há algum tempo mas nunca deixei nenhum comentário
Com essa história de "bafo" não posso deixar de contar que certa vez um menino viajava de ônibus com sua mãe e no banco logo atrás tinha uma mulher com um bafo insuportável.
Acho que a mulher só passou a escovar os dentes depois que o menino perguntou; Tu comeu coco?
kkkkkk